Nova Odessa

Agentes de Endemias recebem capacitação para o enfrentamento de escorpiões

0

Na última terça-feira (02/08), os Agentes de Endemias da Prefeitura de Nova Odessa passaram por uma capacitação sobre o combate, manejo e controle dos escorpiões. A capacitação aconteceu no auditório do Paço Municipal, onde os agentes acompanharam uma webconferência da Coordenadoria de Controle de Doenças do Governo do Estado de São Paulo, com o tema “Comunicação e mobilização social para o enfrentamento do Escorpionismo/Escorpião”.

Os palestrantes da conferência foram o assessor técnico em Saúde Luciano Eloy e o biólogo e pesquisador científico Rubens Antônio da Silva. Eles abordaram temas como o controle de pragas, perigos, quais os procedimentos em caso de picada do escorpião, possíveis soluções para resolver o problema e a abordagem necessária nos domicílios para evitar a proliferação de escorpiões.

Segundo a própria Coordenadoria de Controle, a transmissão “buscou empoderar os agentes de saúde para a sensibilização da população para a prevenção do acidente escorpiônico e rápido socorro à criança picada, profissionais de Saúde”.

“O objetivo dessa capacitação foi preparar e atualizar os nossos Agentes de Endemias, de Zoonoses e de Saúde para atuarem como agentes multiplicadores, orientando a população sobre os riscos e sobre o controle de acidentes com escorpiões”, disse a veterinária responsável pelo Setor de Zoonoses de Nova Odessa, Paula Faciulli.

Em Nova Odessa, os Agentes de Endemias do Setor de Zoonoses realizam diariamente visitas aos imóveis do município, orientando sobre o mosquito da dengue e os escorpiões, entre outros temas de interesse da comunidade.

Os Agentes também realizam a retirada de materiais inservíveis das residências com o auxílio de um caminhão e ajudantes, onde são recolhidos armários velhos, sofás sem uso, papelão, garrafas, latas e todo tipo de material que possa ser um criadouro do mosquito da dengue ou de escorpiões.

No entanto, o Setor de Zoonoses não retira entulhos e nem restos de podas de árvores. “Outra medida de controle de escorpiões que realizamos no município é o programa anual de desbaratização e desratização em toda rede de esgoto”, explicou Paula.

De acordo com a médica veterinária da Prefeitura, algumas medidas simples podem reduzir a ocorrência de escorpiões próxima dos domicílios, como:

• Manter limpos quintais e jardins, não acumular folhas secas e lixo domiciliar;
• Acondicionar o lixo em sacos plásticos ou outros recipientes apropriados e fechados;
• Não jogar lixo em terrenos baldios e sempre manter os terrenos baldios limpos;
• Evitar a formação de ambientes favoráveis ao abrigo de escorpiões, como acúmulo de materiais de construção, entulhos e pedaços de madeira;
• Rebocar paredes e muros para que não apresentem vãos ou frestas.

Nos casos de acidentes, a vítima deve procurar o Pronto Socorro do HMNO (Hospital e Maternidade Municipal Dr. Acílio Carrion Garcia), que fica na Rua Aristídes Bassora, no Bosque dos Cedros, o mais rápido possível – principalmente no caso de vítimas crianças ou idosas.

paginapopular

Alta da Selic encarece crédito e prestações

Previous article

Fundo Social promove neste sábado ‘Bazar do Jeans’ beneficente

Next article

You may also like

Comments

Comments are closed.

More in Nova Odessa