Nova Odessa

Prefeito Leitinho anuncia estudos para implantação de UTIs na Rede Municipal

0

O prefeito de Nova Odessa, Cláudio José Schooder, o Leitinho, anunciou nesta segunda-feira (1º/03) o início dos estudos para a construção das cinco primeiras salas de UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) no município. O anúncio foi realizado durante reunião com o secretário municipal de Saúde, o médico Nivaldo Luís Rodrigues, com a secretária-adjunta de Saúde, Sheila de Morais, o secretário de Governo, Marco Russo, a secretária de Obras, Projetos e Planejamento Urbano, Miriam Cecília Lara Netto, a secretária de Administração, Mara Urel, e o secretário de Esportes, Cultura e Turismo, Thiago Gentil.

De acordo com o prefeito Leitinho, o encontro marcou o primeiro passo do projeto, que deve “revolucionar a Rede Municipal de Saúde de Nova Odessa”. “Estamos dando o primeiro passo deste grande projeto, que tem por objetivo garantir as primeiras cinco salas de UTI no nosso município. Sem dúvida é um grande desafio, mas tenho a mais absoluta convicção que este sonho vai se transformar em realidade na nossa gestão, elevando a um outro patamar a assistência médico-hospitalar em nossa cidade”, destacou o prefeito.

Durante a reunião, ficou decidido que o projeto de construção será realizado dentro da planta do Hospital e Maternidade Municipal de Nova Odessa, no Bosque dos Cedros. “Temos que construir as salas de UTI em um local que já dispõe da infraestrutura e que já faz o acolhimento dos pacientes. Ampliar o nosso Hospital Municipal garante, num único local, toda a estrutura necessária para que o corpo médico-hospitalar possa fazer todas as intervenções necessárias e, principalmente, para que possamos salvar vidas”, acrescentou o secretário de Saúde, Nivaldo Rodrigues.

Com o local definido, o secretário de Governo destacou que o projeto estrutural será conduzido pela Secretaria de Obras, Projetos e Planejamento Urbano, e a estimativa é que o espaço possa ser entregue em até 36 meses. “Construir uma UTI não depende apenas de tijolo, pedras e cimento. Depende da aquisição de importantes equipamentos e de uma estrutura de primeiro mundo. Por conta do planejamento proposto pelo prefeito Leitinho, esse projeto é viável e, sem dúvidas, transformará a Saúde oferecida aos novaodessenses”, detalhou Russo.

No final da reunião de trabalho, o prefeito Leitinho agradeceu aos secretários presentes e disse que a equipe está pronta para iniciar os trabalhos. “Agradeço os nossos secretários, que não vão poupar esforços, e tenho certeza que os nossos vereadores também estarão juntos conosco neste projeto, para que as salas de UTIs deixem de ser um sonho e se tornem realidade. Nova Odessa completa neste ano 116 anos e está na hora da cidade receber esse importante investimento”, finalizou Leitinho.

INVESTIMENTOS

A nova gestão municipal já vem realizando investimentos e ampliações na Rede Municipal de Saúde. No último dia 04 de fevereiro, atendendo a uma das primeiras determinações do prefeito Leitinho, a UR (Unidade Respiratória) do Jardim Alvorada – unidade de referência e que concentra o atendimento de pacientes com sintomas respiratórios na Rede Municipal de Saúde de Nova Odessa – já tinha ganhado quatro novos leitos de cuidados urgentes. Agora, o local conta com seis leitos de urgência e mais 12 de enfermaria.

Sem seguida, por meio da Secretaria de Saúde, a Prefeitura determinou a implantação de uma rede de distribuição de oxigênio e de ar comprimido em oito leitos da unidade de referência para pacientes da cidade com Covid-19. Além dos oito ramais de oxigênio, a UR do Jardim Alvorada receberá mais um ramal de ar comprimido, que é utilizado especialmente na condução de medicamentos por meio do procedimento de inalação.

Fonte: Assessoria de Imprensa

paginapopular

Preços de gasolina, diesel e gás aumentam hoje nas refinarias

Previous article

Campanha de Vacinação contra Covid-19 acontece em Paulínia, para idosos entre 80 e 84 anos

Next article

You may also like

Comments

Comments are closed.

More in Nova Odessa